BREAKING

segunda-feira, 7 de setembro de 2015

BDSM Society - Você quer ser uma Submissa?

Eu decidi escrever esse artigo porque eu tenho visto muitas submissas entrando nesse estilo de vida esperando que as coisas sejam perfeitas, como se fosse um sonho. Eu não desejo arruinar os sonhos de ninguém, nem afastá-las da idéia, mas o que eu desejo é explicar como as coisas realmente são.

Ser uma escrava pode ser, e tem sido para mim, uma vida maravilhosa. É tudo o que eu sempre quis ser. É também mais do que eu esperaria e ter alguém explicando para mim as realidades, antes da minha decisão, teria facilitado a minha transição.

Para os objetivos desse artigo, estarei endereçando as questões relativas a ser uma escrava 24x7. Os comentários são meu ponto de vista, ou seja: uma escrava tendo um Dono. Mas isso não exclui outras combinações (masculinas-femininas). Claro que, para essas outras, não posso comentar sobre experiências pessoais. O que segue são as minhas experiências da vida real.
 
Primeiro, há algumas coisas que você precisa descobrir a seu respeito. Você quer estar numa relação 24x7? Quem sabe você deseja somente ser escrava durante as sessões? Ou talvez você deseje ser escrava apenas durante algumas atividades. Há diversas maneiras para ser uma escrava, e você terá que descobrir por você mesma o que é o adequado para você.

Segundo, você terá que aprender a ser honesta consigo mesma. Descubra o que você fará e o que não fará e o que poderá ser um "talvez". Procure dentro de você o que você realmente deseja e, quando você o descobrir, seja honesta com quem você troca idéias. Não concorde com algo no longo prazo que você sabe que não poderá cumprir. Pergunte à você mesma as questões mais duras. O restante deste artigo irá mostrar para você a realidade de algumas situações nas quais você poderá basear suas decisões, em lugar de sonhos de terceiros sobre como poderia ou deveria ser.

Estará você preparada para abrir mão de 100% do controle da sua vida para alguém? Escravas 24x7 fazem isso. Em sessões ou cenas, isso acontece e seu Dono terá controle total mas, após o final, tudo voltará ao normal.

Você gosta de música "country"? Ou, quem sabe, Rock and Roll ? Considere isso. O Dono, cuja coleira você eventualmente irá usar, poderá gostar somente de música clássica ou outro tipo que você não gosta. Será que você está preparada para abrir mão das suas seleções para ouvir somente a música que ele gosta?
Este tipo de sacrifício pode ocorrer com várias outras coisas que você hoje gosta. Eu, por exemplo, raramente consigo escutar o tipo de música que aprecio, porque ele prefere Hard-Rock. Quando eu sou uma boa garota ele, eventualmente, permite que eu ouça as minhas músicas, desde que todas as minhas tarefas estejam cumpridas. Note que eu disse "permite". Uma coisa simples como ouvir música passa a ser uma recompensa para mim. Não é garantido que você terá essa ou outra permissão quando você o desejar. E esse tipo de limitação poderá ser aplicado a quaisquer outros pequenos prazeres que você tenha, como ver TV, escolher seus amigos, ou qualquer outra coisa.

Há algum tipo de roupa que você goste? Cores ou perfumes que você sempre gosta de usar? Se seu Dono não aprovar, pode ser que você se veja usando roupas e cores com as quais você jamais sonharia. Quem sabe ele poderá escolher as suas roupas pela manhã? Será que você está preparada para aceitar graciosamente as escolhas dele? E se ele escolher roupas totalmente inapropriadas para o local onde você irá, você aceitará sem hesitação ? Eu tenho a sorte dele permitir que eu escolha as minhas roupas a maior parte das vezes. Mas, a qualquer tempo, ele poderá desejar que eu use outra coisa e eu terei que me trocar imediatamente. E, acredite-me, ele realmente pode exercitar esse direito. Eu aprendi a sempre perguntar o que ele deseja que eu use, quando vamos a algum local especial.
 
Estará você preparada para trocar seu estilo de cabelo, cor ou comprimento, para satisfazer seu Dono? Tudo isso passará a ser decisão dele, após você aceitar a sua coleira, da mesma forma que qualquer outra coisa que foi sua. você não mais terá nada. A partir do momento no qual você aceitar a coleira, tudo será dele. Você não mais terá o "seu" carro ou "suas" roupas, mas "dele", que as emprestará a você quando ele o desejar. Se ele desejar, você não usará nenhuma roupa. Isso será escolha dele e não sua. Lembre-se: você terá que abrir mão do seu direito de escolha.

Você tem uma cadeira favorita ou uma certa forma de sentar ou caminhar? Seu Dono decidirá se você sentará na cadeira ou no chão. Ele terá a palavra se você irá cruzar as suas pernas ou se sentará com elas bem abertas. Você terá que pedir permissão para deitar-se ou para sentar-se. A maioria das escravas tem direito a um colchão no chão, sobre o qual podem deitar-se sem pedir permissão, porém a liberdade termina por ai. Você terá até que pedir permissão para sentar-se à mesa para comer junto a seu Dono.
Foi um dia cheio no trabalho. Você chega em casa desejando apenas tomar um bom banho e relaxar. Bem, isso depende da vontade DELE. Estar cansada, sentindo-se mal ou até doente não a libera das suas tarefas básicas de preparar a refeição dele, cuidar das coisas dele e você irá para a cama quando ele ordenar, estando você preparada ou não. Não haverá um "estou muito cansada" ou "não me sinto bem" ou até "estou na TPM"; nada disso. A menos que ele libere você das suas tarefas, será sua responsabilidade executa-las.
 
É sua responsabilidade informar seu Dono sobre seu estado de saúde. Afinal, cabe a você cuidar das coisas dele e você é uma das coisas que ele mais preza. Sabendo do seu estado, ele provavelmente liberará você das suas obrigações e cuidará para que você sinta-se melhor breve, em condições de voltas às suas atividades e capacidades.

Muitas vem para este estilo de vida esperando serem usadas sexualmente, para servir seu Dono quando ele o desejar. Mas eles nem sempre consideram esse aspecto. O aspecto predominante na vida da escrava é estar a serviço do Dono e não ser servida por ele. Entretanto, estar sempre pronta para ele, a qualquer hora, pode ser uma expectativa não prevista. A velha desculpa "hoje não, querido, estou com uma dor de cabeça ..." não funciona no ambiente D/s.

Para assegurar que ele tenha prazer, você deve sempre expressar o seu prazer também. Nunca faça-o sentir que sexo é uma obrigação para você; algo que você só faz por ser parte da situação. Ao contrário, demonstre que você tem prazer com a relação.

Se seu Dono mandar você fazer alguma coisa, você não poderá questiona-lo. É sua obrigação responder ou agir sem fazer perguntas. Mais tarde, se isso for permitido na sua relação com ele, você poderá pedir permissão para fazer suas perguntas. Entretanto, é importante que você as faça apenas para satisfazer sua curiosidade, jamais para questionar a autoridade dele.
 
Você acha que ser uma escrava é ser coagida, forçada a servir? Você acha que você jamais poderia fazer isso a menos que fosse coagida? Então, pense de novo. Escravas entram no relacionamento por livre escolha. Não estamos mais nos dias de escravidão forçada; é uma questão de escolha. Sua escolha ! Você é a pessoa que irá decidir entregar seu poder para seu Dono. E você irá fazer isso não porque você será forçada a tal, mas porque você precisa disso. Sim, durante seu relacionamento, você será obrigada a fazer coisas, mas nunca será nada contra aquilo que você é. Seu Dono poderá sentir que o fato de você obedecer à um determinado comando ajudará você a ser uma pessoa melhor ou ajudará você a se desinibir.

E como é o seu temperamento? Será você uma "estouradinha", sempre pronta a perder o controle quando está zangada? Ou será você uma dessas que tudo aceitam e, de repente, se aborrecem por acharem que seus sentimentos foram feridos? Um Dono não deseja ter um capacho como escrava, nem alguém que viva tentando dizer a ele como fazer as coisas. Aprender quando e de que forma dizer as coisas será algo muito importante no seu relacionamento. Se você não disser ao seu Dono o que a incomoda, então você não terá nenhum direito de ficar zangada posteriormente. Por mais que você o ache onipotente e maravilhoso, ele não lê mentes: a menos que você diga, ele não terá como saber. A chave, como eu disse há pouco, é saber como dizer a ele.
 
Sua auto-disciplina é muito importante nessa relação. Você tende a postergar as coisas? Você não poderá fazer isso tendo um Dono. Haverá tarefas que seu Dono te dará que ele espera que sejam cumpridas numa forma e velocidades definidas por ele e não por você. Os desejos e necessidades dele serão colocados antes dos seus. Auto-disciplina é semelhante à auto-controle. Sua habilidade em completar as tarefas definidas pelo seu Dono será muito importante. Como uma escrava, você terá a necessidade de controlar suas ações de forma a permanecer dentro dos limites impostos por ele.

Se ele disser que você não pode algo, você simplesmente não pode. Fazendo de qualquer forma ou não contando a ele não torna a atitude correta. No caso de uma relação Dono/escrava, o que ele NÂO sabe pode machucar-lo da mesma forma que pode machucar a relação que você levou tempo para construir. Mesmo uma simples mentira "inócua" pode destruir a confiança necessária para realmente estabelecer esse tipo de relacionamento.
 
Sobre as suas necessidades e vontades: você sabe a diferença entre elas? Se ainda não, eu recomendo fortemente que você as descubra antes de entrar na servidão. Algumas vezes pode ser difícil distinguir, mas será importante que você faça isso. Seu Dono irá assegurar que todas as suas necessidades sejam satisfeitas, mas as suas vontades, ou desejos, serão uma opção dele permitir ou não. Necessidades são requerimentos da vida para que você se mantenha saudável física e emocionalmente. Isso nos permite crescer espiritualmente e emocionalmente. Se você pode sobreviver sem uma determinada coisa, então essa é apenas uma vontade. E vontades são usualmente dadas como recompensa por bom comportamento.

Para ser uma escrava, haverá uma série de coisas a aceitar dentro de você e situações às quais se adaptar. Seu primeiro objetivo na vida será ver o prazer (tanto mental quanto físico) do seu Dono, da forma em que ele o deseja. Para fazer isso, você deverá aprender bem sobre ele. Descubra o que o agrada e o que o desagrada. E, note que isso não significa apenas na área sexual. Você aprenderá que o sexo é apenas uma parte do seu relacionamento.
 
Aprenda a antecipar todos as necessidades dele, sem que seja algo forçado. As necessidades e vontades dele compreenderão estímulo intelectual, prazer físico, apoio emocional e outras coisas que serão únicas à ele. Lembre-se: físico não é apenas sexual. Prazer físico poderá incluir, sem estar limitado, tocar, massagear, petiscos favoritos, roupas e cores, como exemplo. Será seu trabalho garantir que os prazeres físicos dele sejam satisfeitos de todas as formas. Pense sobre os cinco sentidos a torne o ambiente agradável para ele. Nunca esqueça: a coisa mais agradável para ele deve ser você.

Como escrava dele, você deverá descobrir o que agrada o seu Dono. Ele não deverá precisar pedir constantemente por coisas básicas - você deverá aprende-las. Se o copo dele está vazio, quietamente e de forma oportuna, você o encherá. Lembre-se você está fazendo isso para o prazer dele e não o seu. Apenas por ele não notar ou agradecer, não quer dizer que você esteja fazendo errado. Observe o sorriso dele. Ele está confortável? Se ele estiver alegre e contente, então você está trabalhando bem e o contentamento dele deve ser a sua recompensa. Mantenha em mente que você faz as coisas para ele e não para a sua própria satisfação. Sua felicidade deve vir de servir a ele e do fato dele estar alegre.
 
Como eu disse no início desse artigo, não estou tentando amedrontar e afastar você do mundo D/s. Meu objetivo é assegurar que, uma vez que você entre nesse mundo, você o faça de olhos abertos, sabendo completamente o que esperar. A estrada não será fácil. Você deverá re-aprender muita coisa do que você sempre teve como garantida: coisas que você faz sem nem mesmo pensar, como simplesmente sentar numa cadeira. Estes são ações sobre as quais a gente nem pensa mais. Isto é, até que você encontre o seu Dono.

Tudo o que você aprendeu antes de ler esse artigo provavelmente é verdade. Ser uma escrava é uma vida maravilhosa: é onde você é cuidada por alguém. A maior parte das decisões está fora das suas mãos e nas mãos do seu Dono. Mas muitas decisões ainda serão deixadas para você tomar. A maior parte dos Donos deseja uma escrava que seja esperta, que tenha senso de humor e vontade própria. Não há prazer em ter um capacho que apenas fica lá, aguardando ser pisada. Ele ficaria aborrecido bem rápido. Ser você mesma é o melhor conselho que posso dar e isso tem sido uma verdade absoluta para mim.
 
Ser uma escrava será tudo o que você sempre sonhou e muito mais, se você entrar nessa vida sabendo exatamente o que esperar dela. Se você realmente desejar esse tipo de vida, você perceberá que, logo após você entrar nela, você estará flutuando no ar. Partes do seu ser que nunca foram completas ou satisfeitas se completarão. Entregando o controle a outra pessoa, eu encontrei a minha liberdade: a liberdade de descobrir e ser a pessoa que eu sou, por dentro.

Espero que, após ler esse artigo, você seja capaz de fazer uma escolha mais consciente sobre esse tipo de vida. Nunca esqueça que o requerimento mais importante para a existência desse tipo de vida é a honestidade. Honestidade para com você mesma, em primeiro lugar. Entretanto, você descobrirá que isso não é tão fácil quanto parece. Uma vez que você aprender isso, você encontrará a sua paz e poderá entrar na servidão com sua mente clara, sabendo onde você está e para onde você deseja ir. Quando você aceitar a coleira do seu Dono, você abrirá mão dos seus direitos. Seus amigos, sua vida - nada permanecerá como seu. Ser uma escrava significa abrir mão de muito mais do que ser apenas uma submissa. Você abrirá mão de todos os seus direitos na vida. Escrava não é apenas uma palavra; é um estilo de vida, uma ação definida.

Bem, minha amiga, eu desejo que você aprecie este estilo de vida tanto quanto eu aprendi a amá-lo.

Miria Hunter
 



71 comentários :

  1. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  2. Olá Miria! poderia conversar com vc? estou passando por um momento complicado e preciso conversar com alguem que viva e que eu tenha a certeza de que realmente entenda sobre o assunto e nao tenho com quem falar.

    ResponderExcluir
  3. Quero me tornar submissa o que eh preciso fazer??

    ResponderExcluir
  4. Quero me tornar submissa o que eh preciso fazer??

    ResponderExcluir
  5. Sou dono e meu whatssapp é 41 98430 9775

    ResponderExcluir
  6. Sou dono e meu whatssapp é 41 98430 9775

    ResponderExcluir
  7. Gostei muito do seu post. Eu penso e repenso várias e várias vezes se é realmente isso que eu quero, e é realmente como vc escreveu, a gente tem é que nos assumirmos verdadeiramente, e procurar lá no âmago do nosso ser, se isso valerá a pena.

    ResponderExcluir
  8. Se é isso o que deseja, vale muito a pena... eu, por exemplo, tenho no prazer do meu Dono o meu maior prazer. Mas cuidado! Há muitos que se dizem "donos" por aí, mas nem chegam perto disso.

    ResponderExcluir
  9. não tenho wpp,posso entrar em contato com você em outra rede social?

    ResponderExcluir
  10. Estou em busca de experiências novas e queria ser uma submissa

    Numero para contato:21968923116 whats.

    ResponderExcluir
  11. Olá Miria! poderia conversar com vc? estou passando por um momento complicado e preciso conversar com alguem que viva e que eu tenha a certeza de que realmente entenda sobre o assunto e nao tenho com quem falar.

    ResponderExcluir
  12. Oi gostei muuto da sua post...existe mulher"dona"?

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Oi sou uma garota de 19 anos, que realmente me interesso em ser uma submissa, oq devo fazer para realizar esse desejo? Qual direção devo tomar?!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Posso te ajudar. Me procure: dom.caligulaSP@gmail.com

      Excluir
    2. Temos ideade parecida chama no whats 13 981999918

      Excluir
  15. olá meu nome é thaina tem 19 e quero ser uma subimisa para explorar meu corpo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Me chama no WhatsApp 07998257103

      Excluir
    2. Será um prazer te ajudar a fazer vc se conhecer melhor me add no whats 13 981999918

      Excluir
  16. Li sua postagem... fiquei excitada com tudo que falou... meu nome é Jéssica, idade 21.. tenho um vicio insaciavel por sexo meu desejo é ser submissa, imaginar alguem me controlando e me fazer conhecer conhecer cada detalhe e toque do meu corpo sendo demasiadamente explorada...como posso me tornar? Como encontrar quem queira ser meu dominador?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá jessica. Posso te ajudar com isso. Basta me conhecer. Me chame no WhatsApp 07998257103

      Excluir
    2. Me chame no whatsapp 13 981999918
      la resolvo isso

      Excluir
  17. Gostaria de me tornar uma como faço?

    ResponderExcluir
  18. Sou ketlyn tenho 21 anos amo ver esses tipos de filme gostei e agora quero praticar como faço?

    ResponderExcluir
  19. Gostaria de saber como vc começou nesse mundo ,eu vi que você falou que começou como menor aprendiz mas como vc achou o seu dominador ? Você foi atrás ou alguém te procurou pra mostrar a você esse mundo

    ResponderExcluir
  20. Eu gostaria de ser uma submissa o q devo fazer

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Eu adoraria ser submissa, mas não sei o que fazer para encontrar um DOM...
    Gostaria de ajuda e informações para encontrar um.

    ResponderExcluir
  23. Eu preciso de um dom pra mim adestrar, quero muito ser uma submissa

    ResponderExcluir
  24. Todo is ferfil femininity pod se subimissa

    ResponderExcluir
  25. Gostaria de ser submissa, como faço?

    ResponderExcluir
  26. Uauuu adorei queria muito ter essas experiências mais n é fácil de encontrar um dominador

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá , me manda email . Posso ajudar . Arhursantosmartins154@gmail.com

      Excluir
  27. Olá , me manda um e-mail arthursantosmartins154@gmail.com

    ResponderExcluir
  28. Olá , me manda um e-mail arthursantosmartins154@gmail.com

    ResponderExcluir
  29. Gostei muito das explicações
    tenho 35 Anos tenho uma vontade
    te ser submissa
    mas gostaria de ter mas informações

    ResponderExcluir
  30. Oi sou Franciele tenho 17 anos e pensei muito bem e quero ser submissa oq eu faco?

    ResponderExcluir
  31. Boa noite, sempre me fascinou esse mundo, meu desejo é me tornar uma submissa, mas tenho medo dos falsos Dom. Como posso me tornar uma submissa? Qual os cuidados que devo tomar em relação ao meu Senhor?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode chamar no whats talvez vc esteja procurando um tipo de dominador especifico 13 981999918

      Excluir
  32. é interessante tudo o que eu li. eu tenho minhas fases de querer ser "dominada" , mas não 24/7. eu sou muito teimosa quando quero e bem mimada também, ia levar palmada a todo momento D:

    obrigada pela ajuda, abraços :*

    ResponderExcluir
  33. Oi mim chamo sara e desejo ser submissa

    ResponderExcluir
  34. Olá boa noite
    Adorei seu texto
    Moro numa cidade onde não se encontra dominadores
    E estou em busca de um. Tem como me ajudar com isso?

    ResponderExcluir
  35. Alguém tem disponibilidade para me passar umas regras de como ser uma SUBMISSA, ficarei muito grata.. me procure meu Whatsapp 75999312342

    ResponderExcluir
  36. Sou Dom e sou aqui de Belém do Pará aberto a conversar com você que gostaria de entrar nesse universo fascinante do BDSM. WHATSAPP 91 9 82339643.

    ResponderExcluir
  37. olá meu nome e Ingrid e eu gostaria de ser uma submissa pois quero me conhecer mais e evoluir como pessoa. Gostei muitodo artigo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ola ingrid chame no whatsapp 13981999918 vamos conversar e ver mais sobre o assunto...

      Excluir
  38. Sou de Brasília DF, MESTRE BDSM, voce que gostaria de praticar BDSM, me adiciona no meu skype mestredf2005@hotmail ou e-mail mestredf32@gmail.com e vamos conversar sobre; Aguardo seu contato.

    ResponderExcluir
  39. Meu sonho e ser submissa.... ficar a disposicao de um homem...com coleira...amarrrada

    ResponderExcluir
  40. Excelente artigo!
    Me esclareceu mto, apesar de já me terem explicado tudo isso, mas hoje consegui compreender melhor!
    Sou nova nisso, e eu sou péssima com auto controle, e acabei estragando algumas coisas já conquistada... E agora me sinto perdida! Se tiver como conversar contigo, eu ia adorar!

    ResponderExcluir
  41. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  42. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  43. Me chamo Thalita e eu estou me interessando muito pelo o assunto.
    Mas nunca pratiquei nada do tipo, e nem sei como encontrar um bom Dom pra me ensinar tudo

    ResponderExcluir

 
Copyright © 2013 Infinitamente Nosso
Design by FBTemplates | BTT