BREAKING

domingo, 29 de maio de 2016

Romance em 3D - Valentina - Capítulo 21

_Recebemos uma denuncia, foi feita por um advogado e nos documentos tinham em anexos exames realizados pelo Alejandro. Em seguida Dimitri ligou pro Alejandro e dez minutos depois estávamos a caminho do hospício que você trabalhou.

_Dimitri estava bastante irritado, de um jeito que eu nunca tinha visto antes. Foi direto até onde Soraya estava e deu voz de prisão.
_Remi estava com ele e ouviu Soraya oferecendo suborno o que tornou a situação dela ainda pior.

_Eu e o Henri chegamos bem na hora com o ajudante dela, Pablo. O pegamos tentando fugir.

_Quando ele viu a Soraya algemada, se desesperou e começou a falar.

_Começou a falar o que Rafa?
_Soraya mandou matar você na noite que te ajudei  tirar Yoan de lá. Pablo matou dois internos para ela achar que eram vocês. Ele a enganou, para ela  você e o Yoan estavam mortos. Pablo falsificou a sua assinatura para o caso de alguém ir procurá-la. Alegariam que você pediu dispensa do trabalho. Você estava correndo perigo e não sabia.
_Até parece que sou alguma mocinha indefesa.
_Pablo é psicopata e se tem uma coisa e ele sabe e gosta de fazer é matar, ele era interno, Soraya o colocou a seus serviços por isso.  Quando ela começou a dizer que ele era um idiota e que ia pagar por ter deixado você viva, perdi a cabeça.

_Fiquei “cego” a única coisa que eu queria fazer era acabar com aquela bruxa miserável, não pensava em mais nada.

_Só me dei conta da gravidade da situação, da tensão e da minha total falta de controle quando escutei Remi falando para eu parar, para eu não fazer merda. Não tenho noção de quantas vezes ele repetiu aquilo.

_Dimitri me deu mais uma advertência e disse que na próxima estou fora.
_A quanto tempo você não tira férias?
_Você também Vall? Está falando igual o Miguel. Dá um tempo.
_O teu irmão sabe das coisas e é visível que você esta estressado. Precisa de férias.
_Meu trabalho é minha vida é meu tudo.
_Você esta enganado. Há vida fora daquela agencia.
_Quer saber ou não do seu maluco preferido?
_Ele não é maluco. Você sabe mesmo dele?
_Claro! Se ele não vier aqui no natal eu mesmo o trago e arrastado.
_Isso nem pensar.
_Porque não procura ele Vall?
_Quero ter certeza que ele me quer de verdade. Ele precisa ter um tempo para pensar. Fui a única pessoa que esteve com ele em um momento difícil, eu o tirei de lá, cuidei. Ele pode estar confuso. Se nesse tempo os sentimentos dele não mudarem é porque me ama  de verdade, não quero que confunda amor com gratidão.
_Você existe mulher?
_Sim e tenho TPM igual a todas as outras.
_É por isso que vou morrer solteiro.
_ Há há há eu duvido. Agora me fala como ele está?

_Está morando em um loft em um bairro de luxo, sai todos os dias pela manhã para correr. Faz um percurso de oito quilômetros.

_Trabalha em casa e deve malhar bastante também, porque tem uma academia montada lá.
_Você entrou na casa dele?
_É claro! Não ia trazer a informação incompleta.
_Você não tem jeito Rafa!

2 comentários :

 
Copyright © 2013 Infinitamente Nosso
Design by FBTemplates | BTT