BREAKING

domingo, 8 de maio de 2016

Romance em 3D - Valentina - Capítulo 18

_Obrigado por mais um dia perfeito.
_Adoro a sua companhia Yoan.

_Tenho passado dias incríveis com você Vall, as vezes acho que não foi tão ruim passar cinco anos preso naquele lugar.
_Não diga isso, aquilo foi cruel. Por que Yoan? Por que trancaram você ali?
_Minha mãe morreu, meu pai ficou com depressão e foi à procura de tratamento, e encontrou Soraya. Ela era a psiquiatra dele e o viciou em remédios. Ele tentou o tratamento com outros médicos, mas nenhum deles deu a ele o tipo e a quantidade de medicamentos que ela dava. Ele interessado nas receitas que ela prescrevia e ela interessada no dinheiro dele. Casaram-se. Quando eu descobri, tentei ajudar meu pai. Foi aí que a Soraya armou uma cilada para mim. Não sei como e nem com o que ela fez, mas tive alucinações.
_Ela drogou você. Que ordinária.
_Sim, e essas alucinações aconteceram, durante duas reuniões muito importantes, meu pai tinha uma empresa financeira e eu presidia uma das filiais. Soraya ” bondosamente” sugeriu ao meu pai que me internasse, não sei como ela o convenceu, mas foi assim que eu acabei indo parar naquele hospício. Quando meu pai morreu a deixou sem um centavo. E aí começaram as torturas. Ela quer as senhas das contas e é claro que me recusei as poucas vezes que ela me deixou ficar consciente, eu dizia que não me lembrava, foi por isso que ela começou com os eletrochoques, a principio para “ativar” a minha memoria, depois para me torturar. E o restante da história você já sabe.
_Ela é uma miserável. Você precisa denuncia-la.
_Eu vou, mas antes tenho que provar que não estou insano. Vou procurar um médico confiável e fazer os exames, com a prova em mãos a denunciarei.

_Sinto muito.
_Eu sei disso.
_Não vai ser difícil de ser comprovado, está claro que você de insano não tem nada, conheço um médico que presta alguns serviços pra agencia que eu trabalhava, é um neurologista de renome Dr. Alejandro Efren.

_Vamos esquecer esse assunto por  enquanto. Ter você em meus braços compensa tudo que passei.

_Obrigado por tudo Valentina.
_Não precisa agradecer.

Depois de mais uma noite perfeita com Valentina em seus braços... O dia nasce.

E Yoan sabe que terá que tomar uma decisão, que não será fácil para nenhum dos dois. A vida precisa seguir seu curso e ele não quer ser um empecilho para Valentina. Sabe que ela está  sofrendo, que não quer escolher entre ele e a sua carreira. Assim  decide tornar as coisas mais “fáceis” para ela.

Postar um comentário

 
Copyright © 2013 Infinitamente Nosso
Design by FBTemplates | BTT